1. Desenvolvimento Pessoal
  2. Psicologia

Uma introdução à Programação Neurolinguística (PNL)

Programação Neurolinguística é a exploração de como nos comunicamos, pensamos e mudamos com o objetivo de replicar e melhorar o ótimo desempenho em qualquer contexto. Ele usa processos conscientes e inconscientes que levam a um aumento das habilidades de comunicação, confiança, motivação e sucesso e está diretamente relacionado ao aumento de nossa capacidade de influenciar e persuadir. Também é eficaz na superação de bloqueios ou barreiras causadas pela falta dessas habilidades.

Você pode gostar de ler:

Aplicações práticas da Programação Neurolinguística incluem:

• Melhorar as habilidades pessoais e sociais – ajudar a desenvolver e melhorar as habilidades existentes

• Habilidades de negócios como liderança aprimorada, coaching, vendas, influência e gerenciamento de mudanças

• Ajuda com desafios pessoais como fumar, beber, perda de peso e fobias (por exemplo, medo de altura)

• Sedução e relacionamentos – melhorar a interação com os outros

• Saúde – ajuda os indivíduos a mudar crenças, hábitos e comportamentos limitantes

• Esporte – Usado para ajudar as pessoas a alcançar e manter o desempenho máximo.

Os 6 principais blocos de construção da PNL:

A programação neurolinguística descreve algumas das formas como a PNL funciona e as coisas com as quais se relaciona:

N (neurologia) – L (linguística) – P (programação) –

i. Neuro:

A PNL estuda e trabalha com a mente, como pensamos e como armazenamos nossas experiências passadas, colocando-as em bom uso, se necessário.

ii. Linguística:

O uso da linguagem, verbal e não verbal nos afeta e a PNL constrói seus modelos sobre isso, usando padrões de linguagem e padrões de linguagem para atingir os objetivos desejados.

iii. Programação:

A capacidade de organizar nossas ações, pensamentos e acesso a nossas experiências passadas pode ser programada, sequenciada da melhor maneira para ajudar a alcançar nossos objetivos específicos desejados.

iv. Atitude:

Trabalha no melhor estado físico e emocional para realizar uma tarefa e produzir melhores resultados em diferentes contextos.

v. Modelagem:

Isso envolve modelar ações de pessoas bem-sucedidas para obter resultados semelhantes. Começa por fazer boas perguntas e passa a aprender sem deixar que o nosso intelecto interfira na nossa aprendizagem!

vi.Técnicas:

Uma atitude positiva e uma paixão pela modelagem resultarão em muitas técnicas novas. As pessoas que praticam a PNL produziram muitas técnicas úteis para ajudar outras pessoas a alcançar seus objetivos e superar os “bloqueios”, quando apropriado.

https://blogueiroconvidado.com
Você gosta dos artigos de redacao? Siga nas redes sociais!
Comentários para: Uma introdução à Programação Neurolinguística (PNL)

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Tendências

    Login

    Seja Bem-Vindo

    Crie uma conta para poder publicar artigos como Blogueiro Convidado
    Junte-se